A Anima e o masculino profundo


Você já cansou de ouvir que nós homens precisamos assumir nosso lado feminino, devemos abraçar as nossas emoções e sermos menos durões e mais sensíveis.

Sim, mas como fazer isso ao nosso modo?

É preciso que a gente se fragilize por completo?

É possível olhar para dentro, reconhecendo nossa Anima, sem que termos que nos submeter à ela ou necessariamente trilhar um caminho feminino de crescimento?

Podemos sim encontrar novos caminhos, orientados por uma visão arquetípica tipicamente masculina, e em sintonia com as nossas trajetórias individuais e coletivas.

Essa é a ultima etapa antes do masculino profundo, portal de libertação e de muitas descobertas impressionantes.

Curioso quanto às possibilidades? Vamos explorá-las juntos?


16 visualizações

Entre em Contato

Tel: 011-9639 69951

jorge.dornelles.oliveira@ggnconsultoria.com.br

  • Google+ Long Shadow
  • Facebook Long Shadow
  • LinkedIn Long Shadow
  • Twitter Long Shadow

© 2023 por Sandro Esteves. Orgulhosamente criado com Wix.com