top of page

Título da página

Jorge Dornelles de Oliveira

Atua em Processos de consultoria em desenvolvimento Organizacional, planejamento estratégico, implantação de cultura de mentoring, Coaching de Times (board), Coaching Executivo (C-Level ) e mediação de conflitos. Possui Formação em Biografia (Escola livre de estudos biográficos), Psicodrama (ABPS), EBC, Evidence Based Coaching (Fielding Graduate University, Santa Barbara/USA). Formação em Gestão de Conflitos e Mediação em Organizações (Trigon Entwicklungsberatung München). Supervisor de Coaches acreditado pela CSA /London/UK. Formação em Team Coaching – Invite Change (USA) e Certified Practitioner in Team Coaching pelo Global Team Coach Institute (UK).

Com mais de 5000 horas de atuação em coaching executivo, desenvolveu e coordena o Programa de Formação de Coaches da Escolas de Coaches EcoSocial (ACTP-ICF) nível II e o Programa de Formação em Team Coach nível I, da mesma escola. É fundador da Escola de Coaches, inciativa da Ecosocial.

Possui certificado pela EMCC; Certificado pela ICF - International Coaching Federation, nível MCC,  Primeiro Presidente da ICF-SP nível II, Presidente da ICF Brasil ( 2013-2015) Membro do  Conselho ICF LATAM ( 2013/2015) Presidente do Conselho Deliberativo ICF Brasil ( 2015/2019) Presidente do EcoSocial (2022/2023).

j-0049.jpg

Como o Coaching Executivo pode ajudar C-levels a se transformarem nos profissionais que eles querem ser?

 

 

 

 

 

 

 

Coaching Executivo é um processo de ampliação de consciência aprendizado, desenvolvimento e atingimento de objetivos, baseado na capacidade de observação, questionamento e mudança. Dessa forma, se caracteriza também por ser um aprendizado que se interrelaciona com determinados conceitos da psicologia e das teorias de desenvolvimento organizacional e de lideranças e se beneficia desses conhecimentos para aprimorar e desenvolver o desempenho dos indivíduos com foco na ação. ​O processo estimula o cliente a agir e a atuar no mundo real, por isso, inevitavelmente quando ele coloca em prática esse aprendizado ele se defronta com todas as suas problemáticas e isso é um ótimo material para ele se auto lapidar.

 

Se você é um executivo C-level que deseja se desenvolver e tornar-se um CEO, ou se você é um CEO e enfrenta conflitos internos em relação a como proceder diante de algumas situações, esse conteúdo pode ser elucidativo para o seu futuro. O quanto você já teve receio de expressar suas opiniões de maneira autêntica por acreditar que isso poderia interferir nas suas relações, na sua imagem e até no resultado de seus negócios? Como você se posiciona diante das questões que o mundo apresenta a partir do lugar que você ocupa? De que forma você equilibra o ato de expressar verdadeiramente quem você é versus aquilo que o mundo espera que você seja?

 

Quando buscamos compreender quais são os atributos que um executivo C-level necessita para ocupar o cargo, frequentemente nos deparamos com uma enorme lista de competências (padronizada) da qual ele precisa possuir a maioria das exigências para assim confirmar, teoricamente, que está apto ao cargo. Isso, contudo, não assegura que na prática ele será capaz de demonstrar o real potencial que detém. Há outros fatores que ficam camuflados. E justamente é esse o ponto crucial que divide os profissionais que ‘rompem a bolha’ daqueles profissionais padronizados, ou seja, aqueles que não transformam nem a si próprio, nem a organização e tão pouco impactam e contagiam o ambiente por meio da sua postura, independente do seu ponto de vista.

 

Que tipo de profissional você é e que tipo de profissional você gostaria de ser? O que você precisa desenvolver para colocar a sua melhor expressão no mundo?

Como funciona o processo de Executive Coaching?

bottom of page